Quinta-feira, 2 de Junho de 2011

Don't Stop! - Chap 1

Tcharam! Apresento-vos a Don't Stop! Uma Fanfic Tom/Georg meio parva, mas cómica ainda assim (I hope!). Espero francamente que gostem, porque se não, eu arrumo este blog de uma vez e dedico-me à pesca xD É uma Fic curta, apenas três capítulos (grandes), a história não é nada de especial, é mesmo feita para rir, e meio ao estilo de American Pie. 

 

Só falta dizer que quem fez o cabeçalho foi uma menina que, como eu, regressou à pouco tempo aos blogs. Há uns tempos era conhecida por Inês Spark, agora é só spark ^^ E a ela agreço o cabeçalho, e o muito apoio que me deu antes, e que me está a dar agora!(Só não te dedico isto, Inês, porque te quero dedicar uma coisa melhorzinha xD)

 

Fico à espera de opiniões...

Loads of Kisses to all of you! :D

 


 

 

Don't Stop!

Chapter One

 

Isto era inacreditável, como é que não haviam groupies? Tudo bem que estamos uma vila alemã bastante pequena e conservadora, que parece que parou no tempo… Mas por favor, não me digam que não há uma única groupie por perto! Eu morro se não for para a cama com alguém hoje!

 

“É bem feita, Tom. Para ver se te acalmas um bocado!” Começou o Bill a resmungar, mas eu sinceramente não estava com vontade de o ouvir, “Ultimamente tens exagerado… Tem sido mesmo demais!”

 

“Tu não te cansas?” Protestei enquanto lutava para encontrar a chave magnética nos vários bolsos das minhas calças, à porta do meu quarto de hotel. “Até parece que não demos um concerto hoje, porra. Cala-te!”

 

O Bill cruzou os braços revoltado e pronto para me começar a dar sermões novamente. Ele já tinha a porta do seu quarto aberta à imenso tempo, porque é que não entrava e me deixava em paz!?

 

“Estás muito agressivo, tu.” Recomeçou ele a recriminar-me, mas foi de imediato interrompido pelo Georg, que tinha acabado de sair do elevador e tinha-se juntado a nós no corredor, seguido de perto pelo Gustav.

                                                                                       

“O Tom está é com falta de sexo, Bill,” Riu-se o Georg, encaminhando-se para a porta do quarto dele que ficava mesmo em frente ao meu. “Vê-se mesmo que não percebes nada do assunto.”

 

O Gustav aproveitou este momento para se rir, e tanto o Bill como o Georg se juntaram a ele um momento a seguir. Eu limitei-me a fulminá-los com um olhar assassino. “Isso, vá! Riam-se da minha desgraça…”   

 

“Olha que não é só desgraça tua,” Afirmou o Gustav ainda rindo, já espreitando de dentro do seu quarto para o corredor, “Ali o Georg está no mesmo estado que tu!”

 

“Ai, sim?” Perguntei ironicamente, finalmente passando a chave magnética na fechadura da minha porta. Estava farto daquela conversa. Tinha na minha mente o plano de me embebedar para adormecer o mais rapidamente possível, e esquecer aquela «fome» que me estava a consumir.

 

“Pois, mas eu não sou como tu, Tom.” Desculpou-se o Georg com um sorriso perverso na cara, “Eu ainda espero divertir-me hoje.”

 

E depois com um gesto discreto mostrou algo que estava a esconder dentro do casaco, piscando-me o olho de forma cúmplice. Não precisei de ver aquilo como deve ser para perceber que se tratava de um DVD de um filme pornográfico.

 

Consegui ver que o Bill e o Gustav estavam absolutamente chocados a olhar para o Georg. Talvez não estivessem à espera que ele planeasse um programa para desfrutar sozinho. Eu próprio tive de me rir, “E vais fazer tudo… sozinho?

 

“Mais vale só do que mal acompanhado,” Respondeu-me ele colocando a sua mão vaga na anca, em sinal de protesto. Depois adicionou, apontando para o DVD que estava por baixo do casaco, “E além disso, conto com a ajuda das «Coelhinhas Quentes Parte Cinco» para me ajudarem.”

 

“Oh meu deus, eu não quero ouvir mais nada!” Quase berrou o Bill no meio do corredor do hotel, “Vou dormir, boa noite!” E sem dizer nem mais uma palavra fechou a porta do quarto dele com um estrondo.

 

O Gustav ainda se estava a rir quando disse, “Bem… diverte-te, Georg! Boa noite, Tom. Fui!” E fechou também a porta do quarto dele, deixando-me a mim sozinho com o Georg no corredor.

 

Ele continuava a rir-se para mim com aquele olhar provocador de «Eu vou ter uma noite porreira, e tu não!». 

 

“Eu não me importo de partilhar…” Ofereceu-me ele casualmente, retirando finalmente o DVD de dentro do casaco. A capa era horrível, cor-de-rosa choque com o título idiota a amarelo, e tinha ainda uma imagem de uma loira podre de boa. Só que a ver senti um formigueiro percorrer-me o corpo… Eu precisava daquilo.

 

“Queres, Tom?” Perguntou o Georg novamente de uma maneira muito casual, apontando para o interior do quarto dele.

 

 Ver um filme pornográfico com um dos meus melhores amigos não era propriamente algo que eu fizesse todos os dias. Tinha deixado de ver pornografia desde que comecei a levar miúdas para a cama, e nunca mais tinha «tratado do assunto» sozinho desde que me tinha tornado famoso… Isto era estranho, muito estúpido, mas por uma razão que eu não sabia explicar precisava mesmo de o fazer.

 

“Não acredito que estou a fazer isto…” Murmurei fechando novamente a porta do meu quarto e dirigindo-me para o do Georg, que continuava com aquele sorriso perverso estampado na cara.

 

Entrei sem sequer pedir licença, a única coisa que murmurei foi, “Só espero que tenhas álcool suficiente.”

 

 

.end of chapter one.

 

sinto-me: Yey, FICS! :D
música: The Who - My Generation
publicado por Dreamer às 17:41
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
Dreamer @ 02-04-2008
Photobucket

.mais sobre mim

.links

.Junho 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.mais comentados

.Follow me :D

. Don't Stop! - Chap 2

. Don't Stop! - Chap 1

. Wake up sleepy head !

. "Forever Sacred" - Chap 2...

. "Forever Sacred" - Chap 1...

. "Forever Sacred" - Chap 1...

. "Forever Sacred" - Chap 1...

. "Forever Sacred" - Chap 1...

. "Forever Sacred" - Chap 1...

. "Forever Sacred" - Chap 1...

. "Forever Sacred" - Chap 1...

. "Forever Sacred" - Chap 1...

. "Forever Sacred" - Chap 1...

. "Forever Sacred" - Chap 1...

. "Forever Sacred" - Resumo...