Segunda-feira, 7 de Abril de 2008

Was it a Dream? - Cap 6

Ora cá vai mais um capitulo desta fic... Este é mais pequenino, mas espero que gostem à mesma! xD

 

* * *

 

“Vocês só sabem é criticar, mas quando começam a comer a minha massa, nunca mais param!” Riu-se o Tom enquanto pegava na loiça para levar para a cozinha, “Olhem para isto, não sobrou um pedacinho de esparguete para contar a história!”

 

Eu olhei de imediato para o Bill com um sorriso. Todas as refeições era a mesma coisa: O Tom cozinhava a sua massa especial, eu e o Bill reclamávamos, mas no fim acabávamos sempre a devorá-la. Nem eu, nem o Bill queríamos admitir que a massa especial do Tom era verdadeiramente deliciosa, senão ele gabar-se-ia para o resto da vida, se é que já não o fazia agora!

 

Enquanto o Tom levava a loiça para a cozinha, eu fui buscar os medicamentos para o Bill tomar: Três comprimidos diferentes e dois xaropes, felizmente para ele, não precisava de mais injecções.

 

Sentei-me ao lado do Bill enquanto ele os tomava. Não consegui evitar uma risada quando ele fez uma careta ao engolir uma colher do segundo xarope.

 

Os seus olhos denunciaram o cansaço e a sonolência que os cinco medicamentos provocavam nele. Percebi que ele queria ir sentar-se no sofá para descansar quando ele pousou os olhos nos meus. “Anda, eu vou contigo.” Disse-lhe, mas da cozinha ouviu-se um grito misturado com uma gargalhada:

 

“O Bill não precisa da tua ajuda para dormir, Sway! Já eu agradecia uma mãozinha para não ter de lavar esta loiça toda sozinho!” Eu podia visualizar o sorriso do Tom quando disse aquilo, como poderia eu resistir?

 

O Bill fez-me sinal com a cabeça, Está tudo bem, e então eu levantei-me da mesa, dei-lhe um abraço forte e fui ajudar o Tom.

 

Quando cheguei à cozinha, nem quis acreditar no que estava a ver: a loiça suja da refeição era apenas uma pequena pilha, comparada à loiça que o Tom tinha sujado para confeccionar a sua massa especial! E ainda por cima estava toda espalhada e a pingar molho para bancada, a mesa e o chão.

 

“Desta vez esmeraste-te,” Lamentei, desviando-me da loiça suja, “Era preciso tudo isto Tom Kaulitz?”

 

“A minha massa é especial por alguma razão,” Respondeu o Tom com aquele sorriso maroto, “Mas não penses que te vou revelar o seu segredo!”

 

Eu sorri para ele, mas depressa desviei o olhar para a loiça a ser lavada. Tinha de calar aqueles pensamentos irresistíveis e loucos, aquele desejo de me agarrar ao pescoço dele… Meu deus, ele é tão lindo…Suspirei para mim mesma, antes de deitar mãos ao trabalho:

 

“Bem Tom, é melhor fazermos isto a meias, eu lavo e tu passas por água, pode ser?” Perguntei, já arregaçando as mangas e separando os pratos dos tachos.

  

“Por mim tudo bem, minha linda…” Ele encolheu os ombros e veio para o meu lado num passo rápido. Sentir o Tom perto era tão reconfortante, quem me dera ficar assim para sempre.

 

* * *

 

Eu sei que foi muuuito curto, mas o capitulo de amanha vai compensar este e muuuito :D Não percam!

 

sinto-me: Com sono! xD
música: P.L.U.C.K. - System of a Down
publicado por Dreamer às 23:20
link do post | comentar | favorito
Dreamer @ 02-04-2008

.mais sobre mim

.links

.Junho 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.mais comentados

.Follow me :D

. Don't Stop! - Chap 2

. Don't Stop! - Chap 1

. Wake up sleepy head !

. "Forever Sacred" - Chap 2...

. "Forever Sacred" - Chap 1...

. "Forever Sacred" - Chap 1...

. "Forever Sacred" - Chap 1...

. "Forever Sacred" - Chap 1...

. "Forever Sacred" - Chap 1...

. "Forever Sacred" - Chap 1...

. "Forever Sacred" - Chap 1...

. "Forever Sacred" - Chap 1...

. "Forever Sacred" - Chap 1...

. "Forever Sacred" - Chap 1...

. "Forever Sacred" - Resumo...